Terça-feira, 15 de Março de 2011
A School Year - Capitulo 2

Zero PVO

 

Sento-me na sala de convívio do meu bloco de dormitórios. Este ano decidi que queria um quarto só para mim, em vez de o continuar a partilhar com o meu irmão gémeo. Durante anos partilhamos o quarto mas chegamos à conclusão de que estava na altura de nos separarmos um pouco, afinal não vamos viver o resto da nossa vida juntos. E além disso saber que posso levar um rapaz para o meu quarto para estar com ele sem receio de ser interrompido é muito gratificante e o mesmo se passa com o meu irmão que ainda por cima agora tem namorada e necessita de um pouco de intimidade. Lá fora está na hora do crepúsculo algo tão imortalizado pelos artistas, mas também eu me sinto atraído por ele, por aqueles raios de sol que se apagam lentamente à medida que a escuridão da noite se apodera do céu que outrora fora medianamente azul. E como artista que sou carrego comigo o meu bloco de desenho precisamente para captar estes momentos que parecem ser tão preciosos. Suspiro, um pouco desiludido pelo começo de um novo ano escolar, enquanto as minhas mãos quase que automaticamente deslizam pelo papel traçando linhas atrás de linhas, umas mais fortes que outras, umas mais esfumadas outras mais definidas, num desenho a preto e branco que é reprodução de uma experiencia multicolor. Cumprimento Kei quando também ele se detém a observar a maravilhosa fotografia que temos da janela da sala de convívio e mais uma vez me recolho ao silencio enquanto espero pelo meu irmão para seguirmos para a cafetaria.

Depressa o meu irmão se junta a nós e com ele o nosso pequeno gang, embora muitos deles pertençam mais ao meu grupo do que ao do meu irmão, mas ainda assim acabam por fazer parte das nossas vidas. Entramos numa cafetaria já cheia de gente e por isso procuramos primeiro uma mesa, e na nossa busca o meu olhar recai de relance num moreno que para a maioria passaria desapercebida mas assim que o seu perfume invadiu as minhas narinas soube tinha de olhar. É um perfume invulgar, pouca gente o conhece e que só existe na outra ponta do país e por isso o meu olhar se prendeu nele. Sorrio por pela primeira vez conhecer alguém que gosta do mesmo perfume que me foi oferecido há três anos atrás pelo meu pai numa das suas viagens com a sua banda. Sento-me na mesa guardando lugar para todos enquanto eles vão para a fila da cafetaria.

Depressa esqueço o incidente pouco ciente um talvez um dia me voltasse a cruzar com ele, afinal nem a cara lhe consegui ver, apenas o seu cabelo mais comprido do que a norma e o seu perfume.

 

 

O capitulo é pequenino, mas esta história é compartida por várias personagens, várias perspectivas, por isso é necessário conhecer-las um pouco, contextualizá-las.

Hope you like it

See you next week    

 


música: Cenário - Toranja
sinto-me: aburrida

publicado por Morceguinha às 19:40
link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De anafilipa a 16 de Março de 2011 às 14:51
O terceiro é um top cai-cai :)


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
16
17
18
19

20
21
23
24
25
26

27
28
30
31


Da minha autoria
posts recentes

A School Year - Capitulo ...

A School Year - Capitulo ...

A School Year - Capitulo ...

A School Year - Capitulo ...

A School Year: Zero e Kan...

favoritos

10º Capítulo - Love Isn't...

tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds